Cymbella Logo
ISSN: 2448-8100
Cymbella Revista de investigación y difusión sobre algas
POLíTICAS Y Normas editoriais
Español/English/Português

Cymbella. Revista de investigação e difusão de algas.

Cymbella e o órgão de difusão da Sociedade Mexicana de Ficologia. Tem a finalidade de fornecer informação sobre algas em um formato digital com acesso aberto (web e pdf, disponivel em http://cymbella.mx).

São publicados artigos originais, de revisão, de divulgação, de opinião, notas de pesquisa, resenhas bibliográficas, resumos de teses, propostas metodológicas, informações adicionais para publicações formais etc. Estes materiais serão avaliados pelos editores, por um comitê editorial temático e por revisores ad hoc. A política geral da revista é de garantir que todos os artigos sejam publicados e, para isso, os Comitês e revisores podem sugerir correções para melhorar as propostas.

O texto pode ser escrito em Espanhol, Português ou Inglês.

O material pode ser reproduzido desde que a fonte seja citada.

Normas editoriais

Sugere-se a seguir o formato geral apresentado nos números já publicados (Boletim da Sociedade Mexicana de Ficologia, disponível em (http://boletin-sociedad-mexicana-ficologia.meridion.mx/) para cada tipo de texto. As inscrições devem ser enviadas eletronicamente a um dos membros do Comitê Editorial responsável com informações completas do autor para correspondência (nome, instituição, endereço postal, e-mail e número de telefone).

Os textos devem ser enviados em formato de texto docx, doc ou rtf (Microsoft Word), em uma única coluna, não justificada. Legendas das figuras e tabelas devem ser colocadas ao final das referências (em folha separada). Tabelas e figuras devem ser enviadas em arquivos de texto separado. Tabelas (no mesmo formato do texto) devem ser verticais e não superior a largura de uma página. As figuras devem ser enviadas em formato TIFF ou jpg não comprimido, com uma resolução de 300 dpi com dimensões ligeiramente maiores do que as requeridas, anotações dentro delas devem ter um tamanho equivalente a 11 ou 12 pts. no momento da reprodução

Todos os artigos devem conter:

  • Título em Espanhol (ou Português) e Inglês (maiúsculas e minúsculas)
  • Autores: nome (s) e sobrenomes completos, autor para correspondência indicado com um asterisco
  • Filiação: Instituição, endereço
  • Autor para correspondência: e-mail
  • Sugerir três nomes de revisores

Artigos originais, notas científicas, revisão e divulgação deve conter:

  • Resumo e Abstract: Não mais do que 200 palavras cada
  • Palavras-chave (key words): não mais do que 5, em ordem alfabética.
  • Texto apenas com subtítulos de primeira ordem, por exemplo: Introdução, Histórico, Área de estudo, Materiais e Métodos, Resultados, Discussão, Conclusões e Referências. Textos com uma linha de espaço extra entre parágrafos (não use espaçamento em pontos). Marcar claramente o lugar onde figuras ou tabelas devem ser inseridas.
  • As contribuições ficológicas devem apresentar resenhas do trabalho de ficólogos ou grupos de pesquisa cujas contribuições para ficologia são relevantes em pesquisa básica, aplicada ou ensino.
  • A seção de Biodiversidade algal reúne os elementos necessários para a construção da Flora Ficológica do México, com um formato homogêneo que permite comparações em níveis taxonômicos apropriados (ordem, família ou gênero). Os interessados em propor texto para esta seção devem contatar o editor executivo para obter as normas a serem seguidas.
Artigos de outro tipo:
  • De opinião, resenhas bibliográficas, resumos de teses, propostas metodológicas complementares a publicações formais etc.: com um formato livre (sem resumo, sem palavras-chave, com ou sem ilustrações).

A extensão de todos os textos é livre e se sugere considerar 40% para ilustrações originais, incluindo gráficos; convidamos os autores a enviar imagens extras para ilustrar toda a publicação.

Citações e Referências

Todos os artigos devem seguir o seguinte formato:

Citações no texto em ordem alfabética primeiro e cronológica depois, e mais de dois autores usar et al., ano (sem vírgula). As referências devem ser classificadas em ordem alfabética e cronologicamente no seguinte formato:

Artigos:

Um autor:

  • Delwiche, C.F. 1999. Tracing the web of plastid diversity through the tapestry of life. American Naturalist 154: 164-177.

Dois ou mais autores:

  • Hugenholtz, P., B.M. Goebel & N.R. Pace. 1998. Impact of culture-independent studies on the emerging phylogenetic view of bacterial diversity. Journal of Bacteriology 180: 4765-4774.

Livros:

  • Ettl, H. & G. Gärtner. 1995. Syllabus der Boden-, Luft- und Flechtenalgen. Gustav Fischer Verlag, Stuttgart, Jena and New York.

Capítulos de livros:

  • Rindi, F., H.A. Allali, D.W. Lam & J.M. Lopez-Bautista. 2010. An overview of the biodiversity and biogeography of terrestrial green algae. In: V. Rescigno & S. Maletta. Eds. Biodiversity Hotspots. Nova Science Publishers, Hauppauge, pp. 105–122.

Teses e outras publicações:

  • Allali, H.A. 2011. Biodiversity and molecular systematics of subaerial algae from Africa and the neotropics. Ph.D. Dissertation. University of Alabama. 273 pp.

Referências eletrônicas:

  • Guiry, M.D. & G.M. Guiry. 2014. AlgaeBase. World-wide electronic publication, National University of Ireland, Galway. http://www.algaebase.org (consultado el 3 noviembre 2014).

Material suplementar:

Deve ser enviado em formato pdf, pronto para a reprodução ou em doc, docx ou rtf para converter em PDF.

Para qualquer dúvida a respeito do expedição, entre em contato com o Editor Executivo.

Esta publicación es financiada totalmente por el Editor Ejecutivo. No recibe subsidios ni pagos.
Diseño es propiedad intelectual de www.meridion.mx